08 abril 2015

Windows XP - The Walking Dead da vida real

Se fosse Linux, era só usar o comando killall. =\
O tema zumbis está em alta esta semana! Acabamos de falar sobre eles no FQN. Além disso, estreou nos cinemas o novo Velozes e Furiosos, que tem seu próprio morto-vivo. No nosso amado mundo da tecnologia, um zumbi também se recusa a deixar este plano.

Há um ano, a MS decidiu matar seu filho mais velho e próspero. Mas o fato dela ter parado de oferecer suporte e atualizações não foi um headshot, e, como dizem os americanos, what goes around comes around. O XP pode ter agonizado e até morrido, mas seu corpo morto continua a perambular por aí.

Em Direito, dizemos que, num processo, ninguém pode alegar sua própria torpeza. Ou seja: se alguém faz ou deixa de fazer alguma coisa de propósito e acaba tendo um prejuízo, não pode alegar este prejuízo para tentar se dar bem de alguma forma.

A meu ver, o que a MS faz é exatamente alegar a própria torpeza: não dá mais suporte nem atualizações para o XP e aí alardeia que todo mundo tem que comprar o Windows 7/8/10 para garantir a segurança. Mas quem, caralhos, QUEM foi que tirou a segurança do XP???? Foi a própria MS!!!

Enfim, o povo não é bobo abaixo a Rede Globo e não tem dinheiro sobrando, e, por este motivo, ninguém quer dar o devido headshot no XP, como demonstra o gráfico de marketshare por sistema operacional do site netmarketshare abaixo:

XP sozinho > Win 8 + 8.1 + Vista. Deal with that.
Pelos números, já dá pra ver que talvez a MS esteja latindo para o poste errado, já que o Windows 8/8.1 é um upgrade gratuito, e, assim sendo, o marketshare do Win7 deveria ter diminuído, mas isso não aconteceu. Mesmo assim, agora o planejamento é ofertar o Windows 10 inteiramente digrátis a todo usuário que tenha, no mínimo o Windows 7.

Resta tentar entender o porquê da MS estar tentando desesperadamente unificar a plataforma. É só para imitar a Apple, ou tem algo mais? Muito se tem falado. Inclusive, tem quem afirme que o ano do Linux vai chegar via Windows, porque o Windows pode se tornar open source.

Como não existe almoço grátis, parece que a MS está simplesmente copiando o modelo SAAS do Google. Só que o Google e a Apple já estão léguas à frente neste esquema, e, para funcionar, a MS tem que efetivamente conseguir matar o Windows XP e o 7. 

Meu conselho troll é o seguinte: você tem o Windows XP ou 7 original? Mantenha-os rodando. Se a MS já começou a oferecer Windows de graça e já está acenando com bondades até com o Office, quem sabe daqui a algum tempo ela não começa a pagar aos usuários para sair do XP e do Windows 7?

Meu netbook tá lá, firme e forte, só esperando por este dia!

MRJ

Nenhum comentário:

Postar um comentário